''Um adendo por favor, seres lindos que leem meu blog!
Preciso que entendam, se possível for, uma coisinha (básica), não escrevo textos pondo EU ali, ou então relatando minhas singelas emoções/vivencias/sentimentos... Para isso existem diários e cartinhas, como na pré adolescência. Então, please! São apenas palavras que surgem e acabam encaixando-se, e logo tornam-se uma escrita, uma frase, um texto (legal ou não)
Só queria dizer...''


terça-feira, 25 de junho de 2013

A culpa é sua

Se não lhe agrada este meu jeito de cair, desajeitadamente ao chão, se não lhe agrada meus risos bobos que solto em qualquer ocasião.
Se incomoda meus pés descalços na grama macia, na areia fofa ou na calçada áspera, se incomoda quando me lanço ao mar, ainda vestida, te olhando, só pra te sacanear...
Se você não gosta deste jeito indiscreto que eu tenho de dizer o que penso e sentir o que tenho vontade...
Se você não consegue sentir o cheiro que tem no ar, quando amanhece e você sabe, isso me endoidece...
Se você não sabe, se você não vê, não sente, não gosta...
A culpa não é minha, a culpa é sua, então a leve contigo para bem longe de mim.
Pois meu bem, eu amo ser assim!

Fabíola F. Silveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário